TRABALHOS TÉCNICOS

Esta página tem o objetivo de mostrar trabalhos técnicos relacionados a controles e programas de tratamento . O conceito de apresentar os trabalhos de forma condensada e objetiva , pretende que o leitor tenha uma compreensão mais rápida e fácil dos assuntos em questão . Os temas serão trocados periodicamente e guardados em arquivos para consultas posteriores.


CLORAÇÃO EM SISTEMAS DE RESFRIAMENTO

O Cloro  um dos mais importantes bactericidas, é utilizado tanto na desinfecção de água potável, como também em torres de resfriamento.

Vários fatores influenciam na demanda de Cloro, sendo, a temperatura, o tempo de contato, o volume de água, além do pH mantido no sistema os mais importantes.

A reação de hidrólise de Cloro na água dá ÁcidoHipocloroso e clorídrico, segundo a equação:

Em seguida o ÁcidoHipocloroso ionizará de acordo com a reação reversível:

Como o Ácido Hipocloroso possui maior poder biocida que o íon Hipoclorito, a eficiencia da cloração será maior quanto maior for a quantidade de Ácido Hipocloroso presente na água.

O pH da água de circulação é diretamente responsável pelo teor de ÁcidoHipocloroso.

A tabela a seguir mostra o teor de HClO- em função do pH.

A figura mostra que o pH entre 2,0 e 7,0 tem os maiores valores de HClO- enquanto que na faixa de pH acima de 8,5 o teor deste biocida é muito baixo.


Como os programas de tratamento  de água envolvem pH neutro a alcalino, o nível do pH em torno de 7,5 é o mais indicado, pois temos aproximadamente 50% de HClO- (efeito biocida) e 50% de ClO- (efeito biocida reduzido).

produtos

Os microbicidas halogênios presentes no PROGRAMA CHEMGARD CVS possui maior eficiencia bactericida que a oferecida pela cloração, a custos competitivos. Saiba Mais

 

 

Os dispersantes de matéria orgânica da CHEMGARD são importantes auxiliares para a cloração, mantendo os sistemas mais limpos. Saiba Mais

 

 

A CHEMGARD mantém uma linha de microbicidas alternativos, para os casos em que possa haver restrição ao uso da cloração. Saiba Mais